Encontro de Integração – Evangelização Infantil, Pré-Mocidade e Mocidade

Encontro de Integração
Evangelização Infantil, Pré-Mocidade e Mocidade
Realizado em 26/04 em São Paulo.

“Integrar para melhor servir”

O domingo foi muito pouco para todo o potencial que o encontro de integração mostrou ter.
A ideia de reunir em um só local as coordenações regionais que tem sob sua responsabilidade a evangelização da criança, pré-adolescente e jovem, parecia algo mais difícil de fazer do que verdadeiramente foi.
Era óbvio que a interdependência destes trabalhos deveria gerar uma proximidade que, por algum motivo, não havia. Mas isto não foi barreira, pelo contrário, logo percebemos tantas similaridades em meio a métodos tão distintos.
O evento teve caráter de primeiros passos – trabalhamos duas atividades em sala, sempre mesclando os trabalhadores para aproveitar a riqueza da experiência de se estar junto -, além de uma palestra do Eduardo Miyashiro para colocar o “cérebro para fora da caixinha”.
E todo o esforço e energia despendidos pela organização, formada por uma comissão com representante dos três trabalhos, tinha um único foco: nos percebermos como trabalhos complementares. E deu certo.
Depois desse encontro, perguntas do tipo “como pudemos caminhar tanto tempo distantes?”, “quando será o próximo?” e “podíamos fazer muita coisa diferente” foram muito comuns nos momentos finais.
Concluímos que cada frente de evangelização, dentro do centro espírita, é visto como uma caixinha, departamentalizada, autônoma e individual. Mas o ser que passa por todas as etapas é um só. Quem subdivide, subcategoriza, fatia o conhecimento em fases, ciclos e idades somos nós. Seria essa a melhor forma de planejar e organizar o nosso trabalho de formação do cristão para o mundo?
Fazemos bem nosso trabalho. Podemos ser melhores.
Este encontro mostra que enxergar o processo de evangelização do ser como um caminho único é urgente, para que possamos ser mais efetivos, acertivos e coerentes. Afinal, de uma “caixinha” de evangelização para outra há muitos buracos. E há muitas oportunidades indo parar lá.
Pensemos em tudo isso e em como estamos nos organizando para trazer para dentro de cada casa, o melhor para estes seres, que já encarnam com o espírito diferente, desejando e precisando de nossa atenção em sua formação espiritual.
Vamos juntos?! 🙂